Hospital Maternidade São Lucas - Foto: Reprodução/ Mapa Aborto Legal
Hospital Maternidade São Lucas - Foto: Reprodução/ Mapa Aborto Legal

A Prefeitura de Juazeiro do Norte concluiu o processo de habilitação e credenciamento de Organizações Sociais para eventual Chamamento Público, em caso de rompimento de contrato com o Instituto Diva Alves do Brasil (Idab) – empresa gestora de dois equipamentos de Saúde no Município.

Conforme decreto publicado no Diário Oficial do Município (DOM) da última quinta-feira (4.nov.2021), quatro empresas estão habilitadas para formalização de Contrato de Gestão, sendo uma de São Paulo, outra de Pernambuco e duas da Bahia:

Beneficência Hospitalar de Cesário Lange (BHCL), Associação de Proteção à Maternidade e Infância Ubaíra (APMIU), Instituto Médico de Gestão Integrada (Imegi) e Associação Beneficente João Paulo II.

O Imegi, por exemplo, já administrou o Hospital Maternidade São Lucas e a UPA do Limoeiro por quatro anos, de 2016 a 2020. A OS deu lugar à Associação das Crianças Excepcionais de Nova Iguaçu (Aceni) que, neste ano, rompeu contrato com a Prefeitura de Juazeiro e abriu espaço para a contratação da IDAB.

| Quer ficar por dentro das principais notícias do dia? Siga-nos no FACEBOOK e INSTAGRAM!