Moro, Girão e o bolsonarismo envergonhado

Eduardo Girão - Foto: Reprodução/ Facebook
Eduardo Girão - Foto: Reprodução/ Facebook

Caso se confirme candidato à Presidência da República, o ex-ministro Sergio Moro certamente vai beliscar votos no chamado ‘bolsonarismo envergonhado’ – aqueles que levantaram a bandeira anticorrupção, em 2018, mas que hoje se envergonham dos escândalos envolvendo o núcleo familiar do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O senador Eduardo Girão (Podemos) pode ser visto como um possível resultado desse prognóstico. Como parlamentar, ele tem se autodeclarado ‘independente’, mas sua atuação na CPI da Pandemia o carimbou como pró-governo. Nos trabalhos investigativos, integrava a tropa de choque governista e passou a ser visto com bons olhos pelo eleitorado de Bolsonaro.

Agora, com Moro prestes a entrar no páreo, Girão diz enxergar no ex-juiz valores e princípios da moralidade. Moro se filiará ao Podemos – mesmo partido de Girão – nesta quarta-feira (10.nov), em Brasília. Em entrevista ao Programa Pânico, da TV Jovem Pan, o senador afirmou que a pré-candidatura de Moro é ‘legítima’ e “só vem a colaborar com o país”.

“Caso ele seja candidato à Presidência, eu acho que independente do resultado da eleição, o Brasil ganha, porque vem o resgate desses valores e princípios que o povo já colocou como prioritário, que é o enfrentamento à corrupção”, afirmou o senador cearense nesta terça-feira (9.nov.2021).

“Eu acredito que o ministro Sergio Moro, que é um idealista, eu tenho essa percepção dele, inclusive, estou no Senado muito inspirado pela Operação Lava Jato”, acrescentou.

“Ele [Moro] precisa ter cuidado com alianças. Essa coisa de partido por causa de tempo de TV, dinheiro de fundo partidário, as vezes mais atrapalha do que ajuda. O ministro Sérgio moro já parte como uma terceira via com um percentual bem acima de qualquer outro candidato e resgata uma memória de algo que foi muito bonito no Brasil”, completou Eduardo Girão.

|
 Quer ficar por dentro das principais notícias do dia? Siga-nos no FACEBOOK e INSTAGRAM!


Postar um comentário

0 Comentários