Storie de Glêdson põe lenha no embate entre prefeito e Câmara

O vereador Capitão Vieira Neto e o prefeito Glêdson Bezerra - Fotos: Josimar Segundo/ CMJN e Prefeitura de Juazeiro do Norte/ Divulgação
Capitão Vieira Neto e Glêdson Bezerra - Fotos: Josimar Segundo/ CMJN e Prefeitura de Juazeiro do Norte/ Divulgação

O embate de narrativas entre Câmara e Prefeitura de Juazeiro do Norte em torno do Plano Municipal de Resíduos Sólidos teve um novo capítulo nesta quinta-feira (21.out.2021). O projeto foi rejeitado pela maioria da Casa na semana passada, mas voltou a ser discutido após uma publicação do prefeito Glêdson Bezerra (Podemos) que, para alguns parlamentares, teve a finalidade de atingir a imagem do Legislativo.

Na terça (19.out), Glêdson contestou as alegações dos vereadores contrários ao projeto. Eles alertavam acerca de um ‘jabuti’ inserido no texto: a possibilidade de cobrança pela coleta do lixo. No dia seguinte, o prefeito compartilhou uma matéria intitulada: “Câmara derruba projeto e Juazeiro fica fora do Aterro” e acrescentou sobre ela o comentário: “Profundamente lamentável”.

Na sessão desta quinta, o vereador Capitão Vieira Neto (PTB) expôs a captura de tela e desafiou: “Ele [Glêdson] não tem coragem de postar o que tem no projeto”. O parlamentar se referia à cláusula que prevê a cobrança de uma taxa de coleta de lixo. Vieira Neto leu pausadamente o texto em questão.

“Que corroborou a relevância do consórcio e da outorga do serviço público, via concessão, com a necessidade da fixação de contraprestação pelo serviço, seja na forma de taxa ou tarifa, esta última na hipótese de outorga do serviço, justamente a modalidade de prestação que se pretende adotar”, reproduziu.

“A verdade tem que ser esclarecida, não da forma que o prefeito postou na rede social. Não fui eu que criei ou inventei, tá dentro do projeto. Quem tem que arcar com o aterro sanitário é a União, os estados e os municípios, não os contribuintes”, defendeu Vieira Neto.




| Receba as últimas do EmOFF direto no seu WhatsApp! Peça a inclusão do seu número em nossa lista de transmissão.


Postar um comentário

0 Comentários