O governador do Ceará Camilo Santana
O governador do Ceará Camilo Santana - Foto: Divulgação/ Governo do Ceará
O governador Camilo Santana lamentou a decisão da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) que vetou nesta segunda-feira (26.abr.2021) o uso emergencial da vacina russa Sputnik V. O Consórcio Nordeste tem acordo com o Fundo Soberano Russo para aquisição de 37 milhões de doses do imunizante.

“Embora respeite a decisão da Anvisa, não posso deixar de expressar minha decepção e estranheza, pelo fato da mesma vacina já ser usada em muitos países, e com eficácia demonstrada”, comentou o governador cearense.

Numa rede social, Camilo reforçou que continuará empenhado pela autorização do uso do imunizante no País.

“Continuarei lutando por essa autorização, de forma segura e seguindo todas as regras, para podermos trazer a vacina para nossa população o mais rápido possível, principalmente diante da lentidão do Governo Federal no repasse de vacinas aos estados. O que não aceitarei jamais é que haja qualquer tipo de politização desse processo. Isso é absolutamente inaceitável”.

LEIA TAMBÉM:
| Camilo anuncia perda de 2 milhões de doses da vacina Sputinik: “não há mais tempo”
| Camilo amplia funcionamento de escolas e autoriza reabertura de academias
| Camilo faz apelo a opositores: “parem de estimular o ódio”