Padre Luís diz que não é autor dos ataques contra Camilo, mas levou 4 dias para apagar post

Padre Luís nega que seja o autor dos ataques contra Camilo Santana (Foto: Reprodução/ Facebook)
O subsecretário de Cultura de Juazeiro do Norte, Padre Luís Barbosa, afirmou que não é o autor dos ataques contra o governador Camilo Santana publicados em sua rede social. Os posts vieram à tona neste sábado (20.mar.2021). Em um deles, o subsecretário chama Camilo de “governador bandido”.

“Fiquei surpreso com algumas postagens de caráter desconhecidas por minha pessoa no tocante ao governador Camilo Santana ou qualquer político que seja, posso sim ter minha postura de ideias porém, nunca chegar a denegrir qualquer pessoa que seja político ou não”, escreveu em nota de esclarecimento.

Embora alegue que não seja o autor das ofensas contra Camilo, Padre Luís demorou 4 dias para apagar a publicação. O comentário foi excluído após repercussão negativa nas redes sociais.

Padre Luís sustenta que sua conta no Facebook era usada por assessores de campanha, quando concorreu a uma vaga na Câmara de Vereadores em 2020. “Cedi minha senha principalmente para algumas pessoas ajudar, hoje não posso dizer a quem teria tanto deixado responsáveis por tais acessos”, justificou.

LEIA TAMBÉM:
Padre subsecretário em Juazeiro chama Camilo Santana de “governador bandido”

• Camilo prorroga lockdown no Ceará por mais uma semana
• Camilo defende Ciro e manda indireta a Bolsonaro


Postar um comentário

0 Comentários