Dr. Santana e Raimundo Macedo
Dr. Santana e Raimundo Macedo (Fotos: Reprodução/ Facebook)
Em um intervalo de 7 dias, a Justiça Federal condenou dois ex-prefeitos de Juazeiro do Norte. Dr. Santana (PT) e Raimundo Macedo (MDB) receberam penas de pouco mais de 8 e 11 anos de prisão, respectivamente. Ambos foram condenados por desvios de verba pública e fraude em licitação. Nos dois casos, as decisões não são definitivas e ainda cabem recursos em instâncias superiores.

Na segunda-feira (15.mar), o juiz Fabrício Lima Braga, da 16ª Vara Federal de Juazeiro do Norte sentenciou Dr. Santana a 8 anos e 9 meses de prisão no caso do “Escândalo da EAB”. Segundo o Ministério Público (MP), entre 2010 e 2012, o esquema desviou R$ 19,5 milhões em recursos públicos para beneficiar uma empresa privada. Outras 12 pessoas foram condenadas no mesmo processo.

Raimundão, por sua vez, foi condenado a 11 anos e 5 meses de prisão numa ação penal movida pelo Ministério Público e julgada pela Justiça Federal. O filho de Raimundão, Mauro Macedo, e outras três pessoas também foram condenados. O processo é relacionado a crimes de desvios de recursos da merenda escolar e lavagem de dinheiro. Conforme denunciado pelo MP, o esquema gerou um rombo superior a R$ 527 mil aos cofres públicos.

As duas decisões preveem que, tanto Santana quanto Raimundão deverão ressarcir aos cofres públicos todo o dinheiro desviado.

Outro lado

Na última quarta (17.mar), Santana disse em nota que já recorreu da decisão. Ele alega que a Justiça foi induzida ao erro por parte de adversários políticos durante a sua gestão (2009-2012).

"A Justiça teve acesso às minhas contas. Fui investigado durante 5 anos e, em nenhum momento, encontraram em minhas contas um centavo que não fosse de origem do meu trabalho como médico”, justificou.

Raimundão, por outro lado, afirmou em nota que está tranquilo e já apresentou recurso. Ele acredita que tudo “não passa de especulações e o procedimento terá o mais amplo entendimento do Poder Judiciário, não restando dúvidas que tudo não passou de uma perseguição”.

LEIA TAMBÉM:
• Dr. Santana é condenado a 8 anos e 9 meses de prisão no caso do “Escândalo da EAB”

• Dr. Santana alega inocência e se diz injustiçado após condenação na Justiça Federal
Raimundão e mais 4 são condenados por desvio de merenda escolar e lavagem de dinheiro
• Raimundão se diz tranquilo e que condenação é fruto de perseguição