O prefeito Glêdson Bezerra informou nesta sexta-feira (8.jan.2021) que o almoxarifado da Secretaria de Educação de Juazeiro do Norte teve o serviço de energia elétrica cortado. Em coletiva de imprensa, o gestor expôs a realidade financeira encontrada ao assumir a prefeitura de Juazeiro. Segundo ele, à Enel o débito é R$ 3 milhões.

Glêdson também está preocupado com a situação dos imóveis alugados pela municipalidade. Isso porque o município deve três meses em locação de imóveis onde funcionam serviços públicos, conforme relatório apresentado pelo prefeito.