Domingos Neto é beneficiado com 2ª maior fatia de “verba extra” do Planalto, revela jornal

Arthur Lira e Domingos Neto (Foto: Reprodução/ Twitter)

Os deputados Domingos Neto (PSD) e Júnior Mano (PL) estão entre os 285 parlamentares privilegiados com ‘verba extra’ pelo Planalto, conforme planilha de controle de recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional, revelada pelo jornal O Estado de S. Paulo neste sábado (30.jan.2021). 

A estratégia do Governo é permutar recursos federais por votos nas eleições do Congresso Nacional. O presidente Jair Bolsonaro é o fiador das candidaturas de Arthur Lira (Câmara) e Rodrigo Pacheco (Senado), e entrou no vale-tudo para eleger seus dois apadrinhados.

Na planilha, Domingos Neto aparece com a segunda maior fatia do dinheiro “extra”. O deputado cearense tem R$ 170,9 milhões para destinar às suas bases eleitorais. O topo da lista é ocupado pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), com R$ 329,4 milhões em recursos. Júnior Mano, por sua vez, tem ao seu dispor um adicional de R$ 37,5 milhões.
 

Ao todo, segundo o Estadão, o Planalto liberou um adicional de R$ 3 bilhões a congressistas aliados. Esse valor é paralelo aos recursos que deputados e senadores já têm direito a direcionar por meio de emendas.

Postar um comentário

0 Comentários